DG: Outros.

Página para discussões de qualquer assunto em geral. Caso algum mangá/webtoon seja comentado na página com frequência uma sub-seção será criada apenas para ele.

Anúncios
Esta entrada foi postada em Outros..

330 comentários em “DG: Outros.

  1. Jvuviole disse:

    eae Galera quem curti durarara?
    Diga sim

  2. 日 ラモン disse:

    boa noite , gostaria de saber se vcs estão pegando projeto para trazer para os brasileiros , eu venho lendo um manhwa e não achei em nenhum site em portugues fiquei pensando em pedir esse favor para alguma scan , mais preferir vim nessa aqui pois estou acompanhando TOG então quiz da preferencia a essa scan , o nome do manhwa e GODLY BELLS e conta com 94 capitulos ate o momento. estarei aguardando resposta , até a proxima.

  3. jvuviole disse:

    Eai pessoal Blz,Quem Ta acompanhando tokyo ghoul:re.
    Quem ve o cap raw ai?

    • Enryuu disse:

      Parei de ler no cap. 2 ou 3, achei o ritmo muito lento e os personagens muito babacas. Já tá melhor?

      • jvuviole disse:

        SIM,ta ficando doidao.
        Quando Nutcrackers foi introduzido pela primeira vez, eu não esperava que as coisas vão ser esta enorme. Como esta acumulação é tão grande, eu não faço mesmo …
        Temos como–
        1) Suzuya vs seu “Mama”.
        2) Urie e seu novo poder.
        3) Mutsuki no meio de tudo isso.
        4) Mutsuki e Torso.
        5) Ayato, Hinami, Naki, e alguns novos personagens vão estar lá também.
        6) Kanae está se juntando à festa.
        7) Os Clowns vai rir por último.
        E eu nem comentei sobre Sasaki ainda. D:
        Eu realmente não posso prever como as coisas vão para baixo. Soa quase como que vai ser uma enorme profusão de algum tipo, um bocado como Anteiku Raid. É inesperado que temos um grande arco tal isso logo no TG: re.
        Há muitas pessoas que especularam que Sasaki vai lembrar de seu passado com base em 11 de novembro é o Dia da Lembrança. Se isso for verdade, isso é como uma outra coisa enorme para adicionar a uma dúzia de outros cenários interessantes atoladas pacote em um arco.
        Estou super empolgado demais. Como Super duper sensacionalistas para o leilão! (ಠ◡ಠ)

  4. Enryuu disse:

    Pff, fui enganado. Ainda tá a mesma merda de antes =(

  5. Lucas disse:

    Quem vocês acham que é o tal de ‘floopy’? Os gringos estão falando que é o Amon, e eles tem uma teoriaa bem interessante. Falam que o Amon teve a Kagune do Yoshimura inserida nele mas ele não se submeteu a Aogiri e fugiu. To achando que ele vai aparecer no leilão quando o pau estiver comendo. Vai ser foda.

  6. jvuviole disse:

    ontem eu vi spolier tokyo ghoul:re q suzuya dar facada na cara uta no leirão

  7. jyu viole disse:

    shu vs sasaki tokyo ghoul:re cap 48

  8. Enryuu disse:

    Dos animes dessa temporada, gostei desses:

    Momokuri – Engraçadinho. Romance é um negócio meio repetitivo, mas consegui assistir de boa 20mins então vou continuar assistindo. A garota é doidona hueaheuaheua!!

    Days – Achei que ia dar merda japoneses num anime de futebol, porém foi divertido e os personagens me agradaram. Continuarei vendo se os caras não ficarem de viadagem. Em anime de futebol dois caras corando é complicado…

    Arslan Senki: Fuujin Ranbu – Voltou bem Arslan.

    Ammama to inazuma – Gostei muito desse. A garota na hora que falou me lembrou de Barakamon, provavelmente é a mesma pessoa. Slice of Life eu não curto, mas quando você vê um anime, ele acaba e você nem percebe o tempo passar é porque ele é bom.

    Tales of Zestiria the X – Caguei pra história, só sei que a animação é linda. Vou continuar vendo, mas provavelmente dar drop se a história for uma merda mesmo.

    Taboo Tattoo – Legalzinho como funciona os poderes, mas tem umas coisas meio clichês. A garota da escola dele cheira a clichê. Aqueles focos no peito dela também é escroto. Provavelmente verei só pelas lutas.

    New Game! –
    É um shirobako de games. Seguirei vendo se continuar focando no desenvolvendo do jogo.

    Kono Bijutsubu Ni Wa Mondai Ga Aru! – Acho que consigo ver isso se não ficar episódico.

    Nejimaki Seirei Senki: Tenkyou No Alderamin – Muito boa estréiar. O character design é um pouco escroto, mas a história parece ser interessante. Acompanharei com certeza.

    91 Days – Excelente, a melhor estreia pra mim. Esse clima do anime me prendeu. Verei até o fim.

    Rewrite não curti, o episódio me deu sono. Orange é bom, mas eu já li o mangá. Berserk e D.Gray-Man são ruins para o meu gosto.

    Ainda faltam alguns pra lançar, mas achei um pouquinho melhor que a última.

  9. PhonsekalLevi disse:

    Enryuu, sei que seria difícil, mas ainda planeja fazer DICE? Porque as scans br pararam na 1ª temporada e acabo tendo que ler em inglês

      • AndréKass disse:

        Tem nem mais coração em Enryuu kkkk, nem pra dar aquelas desculpinhas, a única coisa que gostei de Dice só foi o primeiro capitulo, pois tinha que ler com uma musica

      • Atualmente, só consigo ler Tower of God e Tokyo Ghoul : Re.
        Fora esses dois, não tenho tanto interesse em outros mangás,manhwas,manhuas ou webtoons.
        ToG me deixou tãooo encantado, que pouquíssimas obras se quer chamam minha atenção.
        Eu simplesmente meio que criei um certo desprezo pelo gênero shounen, devido a os autores muitas vezez(se não todas) jogarem a história e a razão lá pra pqp e meter o porradão a.k.a estilo DBZ(nada contra aqueles que gostam, eu inclusive gosto muito já que faz parte da minha infância).

  10. PhonsekalLevi disse:

    Você ainda acompanha DICE?

  11. Enryuu, você gosta de alguma outra obra do Nasuverse, além da série Fate?

    • Enryuu disse:

      Só vi Fate pela animação classuda, não sei nada desse universo.

      • Não sabe o que tá perdendo, kkkkkkkkk.

        Enfim, eu acompanho a Type-Moon a mais de 10 anos, só não jogo os jogos porque não sou fã de videogame rs, fora isso, eu assisto os Animes e leio os Mangás e Light Novels.

        Sobre Fate, a minha heroína favorita é a Rin Tohsaka, eu gosto da Artoria, mas algumas vezes ela me irrita, eu acho a Sakura meio sem graça, a Illya é fofinha com o Berserker, e a Fujimura é muito legal rs.

        Aqui está a lista de animação da séria Fate:

        Anime – Fate/Stay Night, 2006.
        Filme – Fate/Stay Night Unlimited Blade Works.
        OVA – Fate/Prototype.
        Anime – Fate/Zero, 2011.
        Anime – Fate/Stay Night Unlimited Blade Works, 2015.

        Não sei se você sabe, mas haverá uma trilogia de Filmes de Fate/Stay Night Heaven’s Feel que começara em 2017.

        A rota da Sakura Matou é aclamada como a melhor de todas, pelo que eu sei, realmente essa animação tem potencial para ser a melhor de toda a série Fate, devido a fatores como a história complexa do enredo, as lutas incríveis, as magias diferentes que serão usadas, e o desenvolvimento das personagens, principalmente a da Sakura rs.

  12. Bem, enquanto o Enryuu não posta o capítulo de ToG.

    Vou ler os 10 capítulos que falta eu ler de Tokyo Ghoul:Re.

  13. Anderson urahara disse:

    Enryuu, não sei se é exclusivo do meu celular, mas quando o pessoal responde muito o comentário um dos outro, alguns começam a aparecer em linha vertical, em português mas como escrito em japonês, de cima para baixo. É algum bug do meu cel, há alguma dica pra arrumar?

    • Carlos Henrique da Silva Barros disse:

      Use a rotação, te dá mais espaço e fica melhor de visualizar a página.

      • Anderson urahara disse:

        Não é o caso Carl, me parece algo de configuração da página do site. Já rodei, rodopiei, girei mas permanece o mesmo. Um mistério para eu resolver…

        • Carlos Henrique da Silva Barros disse:

          Limpa o cache rs.
          Se não resolver então … sinto.
          O meu tá normal, deve ser alguma coisa na configuração do seu celular, bem … tomara que o Enryuu consiga te ajudar.

  14. Anderson urahara disse:

    Alguém sabe se já houve algum autor de manga ou manhwa que tenha morrido antes de terminar sua obra?
    Só curiosidade para passar o tempo…

    • Enryuu disse:

      Não me lembro não, mas tem uns autores que ficam de hiato por bastante tempo. Tipo, de 6 meses pra cima…

      • Anderson urahara disse:

        Isto é verdade: o lendário Togashi Yoshihiro de hunter x hunter e Kentaro Miura de Berserk, ambas obras muito boa. Se não me engano o Togashi é o recordista do tempo de hiato…

    • Light Novel: Kaze no Stigma – Após a morte do autor(Takahiro Yamato) em 20 de julho de 2009, a história permanece incompleta em onze capítulos. Sunao Yoshida é outro que morreu.(Autor de Trinity Blood, fizeram um anime dele que passava no extinto canal Animax, Kaze no Stigma também tem anime rs).

      Mangá: Yoshito Usui morreu aos 51 anos autor do mangá popular Crayon Shin-chan.

      Não lembro de mais autores de mangás que deixaram suas obras inacabadas.

      Masami Kurumada que é o autor de Saint Seiya já tem 63 anos, tomara que ele não morra antes de finalizar a obra kkkkkkkk-

    • Yrs disse:

      Não sei se é realmente certo, mas parece que o autor de Wake Up Deadman morreu antes de terminar uma obra, acho que foi em 98. Wake Up é um ótimo webtoon, mas pode ser que esse tenha terminado, eu não sei, eu lia mas tava difícil encontrar um site com todos os caps então não sei se tem final. Talvez ele tenha deixado a outra história por fazer, acho que é Tales (mais alguma coisa).

  15. Carlos Henrique da Silva Barros disse:

    Sim. Eu sou bem detalhista na minha leitura, então… normalmente eu lembro coisas como nomes de personagens, lugares, objetos, referências e etc.

  16. Anderson urahara disse:

    Enryuu, “amantes” como esta na tradução em koreano implica em namorados/apaixonados, ou seria como o “amantes” brasileiro, pessoa comprometida que se envolve com outra?

  17. O Xande viado, do rebosteio, devia fazer um webtoon. Ele desenha pra caralho (quaaaase no nível do china do tales of demons and gods [tá, talvez nem tanto]) e dá menos trabalho do que animar, e daria pra elevar o nível BR a um novo patamar.

    Podia começar devagar até, com tirinhas mesmo.

    Xande pra trans do tchan do ano.

    • Charlie, já assistiu Planet Survival?

      Sinopse: Planet Survival se passa no século XXII e conta a história sobre 7 estudantes e 1 gata robô. Luna, Sharla, Menoli, Howard, Bell, Shingo, Kaoru e Chako estão em uma era onde os humanos vivem em colônias espaciais e têm uma tecnologia muito avançada, mas a natureza agora só existe nos livros. Um certo dia a escola destes estudantes decide fazer uma excursão ao espaço, mas acabam acontecendo imprevistos e estes acabam por parar em um planeta desconhecido e belo, repleto de perigos. Agora, eles precisam fazer de tudo para sobreviver e voltar para a colônia. Alguns segredos marcantes serão revelados no decorrer da trama, como o passado do planeta.

      Era tão bom assistir Animes pelo canal Animax. Foi por causa desse anime que eu pensei sobre os pioneiros terem vindo de um lugar completamente diferente da Torre. Acho que eles chegaram na Torre de uma maneira parecida.

      • É claro que as Informações adicionais do SIU foram essencias para mim imaginar tudo isso.

      • É uma muito boa referência. Eu só vi pedaços de eps random. Mas é MAIS OU MENOS por ai mesmo (os elementos de planet survival é uma baita mão na roda para entender os elementos de ToG [sobretudo pra quem acha um absurdo ou fica boiando achando que seria bizarro TOG ser sobre uma linha sci fi dessa]).

        Acho que a história dos pioneiros seja um caso mais extremo e “seinen” de planet survival:

        Esse anime encaixa bem mesmo, sobretudo no que tange o infotog das armas, mas eu não conheço o suficiente e nem lembrava o nome (já não acompanhava animax [acompanhei locomotion, animax já não dei bola {tava na vibe download. hahaha. que idiota}]). O limite de semelhança eu colocaria como sendo a “natureza da torre” que depende de ser um planeta “gasoso”/”fluído”/”não sólido” (camadas fluídas e fauna toda baseada em “seres aquáticos” ou correlacionados) diferentemente do planeta do planet survival, que é um planeta como a Terra.

        Mas o deslocamento até o local, basicamente acho que segue esse modelo mesmo.

        Quando cheguei aqui todo mundo falava de apenas dungeon tradicional (uma torre de babel em um lugar qualquer, estilo nosso planeta mesmo) o que dificultava bastante sequer propor algo assim. (MAS E A RACHEL, CAMBADA??? [isso era subestimar demais o SIU])

        Comecei devagarzinho propondo só a ambiguidade do termo torre, por isso. Daí propus que os irregulares (pós pioneiros) tinham que ser de dentro do complexo para explicar a Rachel querer subir pra ver estrelas. Aí tinha o vácuo do infotog das armas. Aí é só ir ligando as peças que o SIU vai soltando.

        FATALMENTE/INEVITALMENTE, por eliminação as proposições que eu faço vão sendo algo próximo das únicas possíveis para atender os elementos que são levantados. (Enryuu se revira toda vez que eu digo isso, mas isso que faz ele errar tanto). Não porque as faço, mas já as faço por seguir essa linha de montar o quebra cabeça.

        Ainda geral tá no esquema dungeon tradicional (Torre de babel, Estátua de Valkaria), aí ficam com aqueles cálculos “geniais” (só que não) do Yrs, enfim. Se SIU escrevesse fantasia medieval ou pelo menos nunca tivesse escrito sci fi, eu até ficava quieto. Mas porran!! TUDO que o cara escreveu até hoje, pelo jeito, foi sci fi; o cara fica soltando pistas sci fi nos informativo (“vácuo” [esse conceito só ganhou força com a vitória sobre a lógica do éter/quinta essência JÁ NO SÉCULO XX!!!! {1900…} com a teoria da relatividade]). Ah por favor. Chega a ser revoltante/boçal galera não prestar atenção nisso e ficar viajando em ToG sendo “dungeon”/fantasia que não sci fi.

        • https://pt.wikipedia.org/wiki/V%C3%A1cuo

          “”” A tentativa de descobrir o significado do vácuo vem de muitos anos atrás, os primeiros relatos que temos é que tenham vindo com a filosofia na Grécia Antiga que debatia a existência de um vazio, um local sem matéria. Por volta do ano 420 a.C. dois gregos, Leucipo e seu aluno Demócrito tentaram explicar o vácuo por meio de uma teoria atômica(atomismo). Na qual todos os corpos eram compostos de átomos que não podiam ser alterados e eram diferenciados pelas suas formas geométricas. A junção desses átomos criavam a matéria e que entre essas junções não existia nada, logo o vácuo.

          Porém,anos após a teoria feita por Demócrito veio a vez de Aristóteles.Que queria negar a existência do vácuo, negando assim a teoria anterior.

          Para provar a não existência do vácuo, Aristóteles utilizou a teoria da queda dos corpos. Tudo que deixamos cair de nossas mãos sofre de uma resistência do meio em que estão caindo: resistência do ar, da água por exemplo. Podendo ter uma resistência grande ou pequena fazendo com que o tempo de queda seja maior ou menor. Com isso ele tentou demostrar que esta resistência sempre esta presente, delimitando a velocidade de queda até que ela chega a zero. Porém, se existisse mesmo o vácuo esta resistência deveria ser nula, pois não haveria resistência, não delimitando a velocidade dos corpos, podendo assim chegar em um valor infinito.

          Entretanto, uma nova discussão começou referente ao movimento de planetas,da lua e do sol. Aristóteles supos que de acordo com a teoria de Empédocles,teoria dos quatro elementos,tudo no nosso mundo seria composto de 4 elementos, sendo eles a terra, a água, o fogo e o ar. Todavia, existia um quinto elemento, a “quinta essência” que estaria presente em todo o universo e que não causaria resistência no movimento circular dos corpos celestes.Logo, tudo em volta de planetas não deveria ser necessariamente vácuo, mas sim a quinta essência. Quando ocorreu a descoberta de que a luz e as ondas eletromagnéticas se propagavam no espaço entres os planetas foi novamente utilizado esta mesma teoria, quinta essência, pois as primeiras teorias ondulatórias nos mostraram que as ondas necessitavam de um meio para elas se propagarem. No séc. XIX Clerk Maxwell, o formulador da teoria eletromagnética, junto com outros cientista introduziram o “éter”, que seria a matéria preenchedora de todo o universo. Mas, tudo isso foi mostrado desnecessário após o séc. XX com a teoria da relatividade de Albert Einstein, onde o vácuo havia “renascido”. “””

          Agora me diz alguém por favor: por que caralhos d’água uma obra sobre fantasia que não sci fi (medieval,universo mágico [existe magia em todos os meios do universo, existem magos universais, que são magos da mesma forma em qualquer lugar], mimimidamãezinstica, qualquer porra que não sci fi), vai trazer um conceito desse como elemento biográfico de quaisquer personagens? Me explica.

          NAVES. ESPAÇO. ESTRELAS. VÁCUO. ADAPTAÇÃO. PLANETA GASOSO. CAMADAS DE DENSIDADE. COLONIZAÇÃO. Vai ter (está tendo) tudo isso pra caralho. Aceitem, que dói menos.

          P.S: Não é pra você Charlin.

  18. Carlos Henrique da Silva Barros disse:

    Eu já leio ToG a 4~5 anos.

    Na Season 1 eu só percebi os elementos de RPG e que ToG não era um Shounen convencional.

    Na primeira parte da Season 2, eu comecei a notar que o Ranking de um personagem pode não refletir as suas habilidades, isso vale tanto para Regulares, quanto para Rankers.

    Na segunda parte da Season 2, eu comecei a estudar o Shinsoo, eu procurei conhecer e entender cada por menor sobre a Manipulação de Shinsoo, isso me ajudou pra caramba a entender melhor ToG.

    Quando você entende o Trabalho do Gustang sobre o shinsoo, se torna fácil entender as lutas em ToG.

    Gostaria de ter dado mais atenção ao Vácuo, mas fiquei tão ligado no estudo sobre o Shinsoo que esqueci😂.

    Adoro Ficção científica, Tenchi Muyo!, Planet Survival, Neon Genesis Evangelion e outros Animes de Ficção científica fazem parte da minha Infância. Tem os filmes também rs.

  19. Alguém curte Bojack Horseman?

  20. Sistema de classificação na escala de 1 a 5:

    5 (muito bom ou excelente) é a nota mais elevada (90-100%),
    4 (bom ou satisfaz bem ) (70-89%),
    3 (satisfaz) indica um desempenho “médio” (50-69%),
    2 (não satisfaz) (20-49%),
    1 (fraco) é a nota mais baixa (0-19%).

    Lista de Mangás/Manhwas que eu finalizei a leitura (Parte 1)

    Bleach – 2
    Code Breaker – 3
    Akame ga Kiru! – 3
    Tower of God Season 1 – 3
    The Breaker – 3
    The Breaker: New Waves – 4
    Rave Master – 2
    Tokyo Ghoul – 4
    Kekkaishi – 3
    Soul Cartel – 3
    Samurai Deeper Kyo – 3
    Naruto – 3
    Nurarihyon no Mago – 3
    Mahou Tsukai Kurohime – 3
    Mahou Sensei Negima – 3

    • Enryuu disse:

      Rapaz… ToG – 3? A primeira temporada é muito superior a esta atual (2ª).

      The Breaker: New Waves acabou? Achei que o autor tinha entrado em um hiato para fazer outra obra.

      O resto que você leu é bem clichêzão mesmo.

      • Enryuu??? Season 1, melhor que a Season 2? Como assim? (Eu gostei mais da Season 2).

        Sim. A Season 3 tá sem previsão.

        Verdade!

        • Enryuu disse:

          Season 2 tem muita luta e chororo de personagem, prefiro a season 1.

          Rak engraçado, testes mirabolantes, planos por trás de tudo, reviravoltas, Androssi menos irritante, o grupo de personagens, Baam fraco, bombardeio de informações (por ser o começo de tudo). A maioria das cenas marcantes de Tower of God estão lá.

          Não que eu ligue muito para qual season é melhor, mas fiquei surpreso de como você classificou a S1 de ToG como “médio”, junto com outras porcarias.

          • Carlos Henrique da Silva Barros disse:

            Prefiro a Season 2. O Wangnan é meu personagem favorito da 2. A História ficou mais interessante, a FUG e seus segredos, as 10 Grandes Famílias e seus segredos, Revelações no mínimo interessantes. Na Season 2 você percebe o crescimento do SIU como Autor, e o que ele pretende fazer com uma obra excepcional como ToG, mas enfim, gosto é gosto rs.

            A Season 1, pra mim foi “médio” mesmo. Esperava mais dos Regulares, só gostei bastante do Teste da Androssi e Baam. E do final, que revela a verdade sobre o Andar do Headon.

      • Phantom Minion disse:

        A primeira Season de ToG está anos luz a frente da segunda!!Até os personagens eram mais inteligentes.O Koon era mirabolante, O Rak era the fuck,A androssi era metodica e a Rachel…Era a Rachel!
        Tokyo Ghoul pra mim é 5!!Cara aquela cena final de Ken Vs. Arima,o que foi aquilo!!!Sensacional! !Foi a unica vez que eu chorei vendo alguma coisa!!!

        • Phantom Minion disse:

          Só pra complementar .
          Dizer que a primeira temporada não tinha genero não seria nenhuma mentira,ao contrário da segunda que é claramente um Shounnen (desde o 100 capítulo até agora foi ficando mais Shounnen )E por favor,isso não é um problema!Se chama evoluir ,mudar e atingir um publico maior.Do jeito que alguns aqui falam parece que só criancinhas de 10 anos lêem Shounnen

          • Se fosse mais shonnen não seria um problema mesmo. Mas não é.

            Vocês que querem fazer parecer que só coroa lê seinen. Ou que seinen precisa ter litros de sangue ou terror. Spirit Circle é o que? Shonen também? Pff.

            A season 2 é menos shounen que a s1. E isso não é uma qualidade em sí. Mas é menos shounen (até um protagonista que “não upa” e totalmente engolido pelo sistema é inserido [o que gera quebra de expectativas de leitores shonen também, a propósito, segundo o próprio SIU]).

            Vocês interpretam cada um dos pontos sem entender a correlação de um ponto com outros e continuam nessa avaliação estúpida?

            Sério. Lêem os comentários antigos (da época do cap 100) das expectativas de vocês sobre como os plots seriam resolvidos e compara com como os plots foram resolvidos de fato em ToG. O que vocês esperam sempre é shonen. O que acontece é sempre mais seinen. TODAS as expectativas shonen são sempre maiores do que os fatos shonen em sí. É simples.

            Enfim, poderia ficar argumentando horas aqui. mas foda-se. Próximo preview a gente vê o que de expectativas shonen é “realizado”.

            Vocês gostarem mais da S1 deveria servir até de indício de ser mais shounen. HAHAHAHAHAAH.

            .
            .

            Eu prefiro o clima da s1 também. Queria ver um spin off de algum personagem random, tipo Lero, só pra ver aquele clima de subida sem tramas centrais envolvidas, só pra ver algo no clima “black mirror” mesmo.

            Mas a s2 é mesmo nível. Dependendo do leitor é até superior. Tem muito mais camadas de coisa acontecendo. Mas a extrema alternância dos times impede aquela shipada na amizade dos caras. Coincidência ou não, a última vez que isso ocorreu foi exatamente no 108/109 que o Minionzinho tá querendo transformar em começo da era shounen em ToG. Hahahah. Só pena ser o contrário. Ali foi o último refugio das amizades HxH/FMA. Foi o fim da infância. Depois até pra ajudar os amigos, foi necessário simular enfrentamento, ou se separar (o mais comum). Foi onde o seinen começou a comer solto.

            NUNCA que HxH, FMA ou qualquer outro shounen deu conta de tantos planos separados e que até a resolução do plano não dependia da clássica ferramenta shonen “reunião dos heróis” novamente para cumprir o objetivo. De novo, Gundam Wing talvez fosse o que mais chegasse perto disso.

            .
            .

            É engraçado ver quem aposta em tudo shonen, alegando que a s1 é melhor usando argumentos de apontar a s2 como mais shonen. HAHAHAHAHA. Quem gosta de pegar pista e entender tramas na entrelinhas deve ter muito mais diversão com a s2.

            Eu tenho preferência da s1 pelo clima geral de Random. Todo mundo é muito random. Isso é massa. Mas a s1 teve quase todos os seus piu piu pius finalizados. A ação direta era muito mais o caminho de resolução de plots do que na s2. Não tem comparação: a S1 é muito mais shonen.

        • Carlos Henrique da Silva Barros disse:

          Arima vs Kaneki na 1 foi foda mesmo, o que me deixou triste foi o Hide, não dei 5 por causa dele rs.

          • Phantom Minion disse:

            Mas você sabe que o Hide pode não ter morrido né? No começo do Re: a Touka leva um livro para alguém no Hospital e esse livro era o favorito do Hide ,aquele do qual ele falou em Tokyo Ghoul.E no último episódio o Amon pergunta pro Kaneki o que aconteceria c
            se as pessoas que ele acha que se foram voltassem eele responde que ficaria aterrorizado com isso,pois ficaria com medo que elas desaparecem outra vez.Pra mim isso foi um intróito para o retorno de personagens como o Hide e o Kuzan.

    • Doeu o ToG no mesmo patamar do Naruto. Mas gosto é gosto.

      Nessa sua escala, pra mim, seria Bleach 1; Naruto 2; ToGS01 4.

      Desses que você citou, só esses três eu “vi tudo”, ou seja, vi o final e sei meio que tudo de relevante que se passou ( -> Naruto eu pulei do torneio que o sasuke lutou contra o Gaara [acho que é o segundo torneiozinho] até o final da 1ª fase. Vi o final da 1ª fase o começo da shipuden, não guentei de novo [dei umas passadas pelo Pain, mas nem vi tudo, zzzZZ], voltei a ver só na grande guerra já, perto dos Kages se juntarem e todo o resto da história acontecer em uma única tarde hahaha. -> Já Bleach comecei a acompanhar no mangá de onde tinha parado no anime, na Soul Society, que o anime virou um looping infinito de filler, e eu queria saber qualequeé. Não tinha revelado a do esquadrão zero, nem o plano do Aizen nem nada. quando teve a luta do espada 5 ou 4, vs o Zaraki, eu entendi que foda-se tudo e que era tudo randômico mesmo; daí acabei só querendo ver quais eram as bankais mesmo; no fim acabei apenas querendo xingar/hatear mesmo).

      Nenhuma dessas outras eu tive paciência de seguir.

      Eu só segui bleach ainda porque os poderes a serem apresentados eram bastante específicos (eu queria ver as bankais dos principais, ponto), então a expectativa também era bastante específica. Agora, nem Naruto eu tive saco pra acompanhar sem pular loooongas partes. Enfim. Segui mas dou 1 samerda (Bleach). Só a arte dos personagens que era bonita. Naruto ainda teve algum respiro com a história da criação da vila lá (ali namorou chegar no 3), mas depois que o antagonista foi kickado randomicamente, aí só ladeira a baixo. Só não chegou no 1 porque bleach mostrou como podia ser ainda pior se tivesse arrastado o vilão munchkin por toda uma saga nonsense, e resolveram já acabar tudo ali logo.

  21. Diego Hernique Magalhaes disse:

    Tem assistir mais serie
    Demolidor,Jessica jones,Punho ferro,Legion,Arrow,Gotham,Supernatural,Black sails,Vikings,Game of thones,The 100,Bates motel e American horror story etc….

  22. Carlos Henrique da Silva Barros disse:

    Sistema de classificação na escala de 1 a 5:

    5 (muito bom ou excelente) é a nota mais elevada (90-100%),
    4 (bom ou satisfaz bem ) (70-89%),
    3 (satisfaz) indica um desempenho “médio” (50-69%),
    2 (não satisfaz) (20-49%),
    1 (fraco) é a nota mais baixa (0-19%).

    Lista de Mangás/Manhwas que eu finalizei a leitura (Parte 2)

    Saint Seiya: The Lost Canvas – 5
    Get Backers – 4
    xxxHOLIC – 3
    Tsubasa Reservoir Chronicle – 3
    Cardcaptor Sakura – 3
    Tokyo Babylon – 3
    Kobato – 3
    RG Veda – 3
    Hellsing – 4
    Onihime VS – 2
    Fullmetal Alchemist – 4
    Konjiki no Gash Bell!! – 3
    Katekyo Hitman Reborn – 3
    Rurouni Kenshin (Samurai X) – 5
    Shingetsutan Tsukihime – 4

    • Diego Hernique Magalhaes disse:

      Saint seiya:the lost canvas foi melhores manga cavaleiros do zodiaco

      • Carlos Henrique da Silva Barros disse:

        A Shiori Teshirogi é mitosa. Ela conseguiu elevar Saint Seiya pra outro nível.

        Shiori Teshirogi= Autora do The Lost Canvas.

    • Você finalizou o tal do Get Backers?

      • Carlos Henrique da Silva Barros disse:

        Sim. Tive que ler em 3 Línguas. O Português e o Espanhol são comuns da minha Terra Natal. O Inglês só sei o mediano mesmo, mas dá pra mim entender de boa.

          • Carlos Henrique da Silva Barros disse:

            1 – A Fortaleza Ilimitada foi criada pelo “Brain Trust”.

            2 – Brain Trust: Um grupo de indivíduos poderosos – cientistas, engenheiros, artistas, políticos, patronos e seres super-normais – que criaram a “Fortaleza Ilimitada” como um experimento Site onde qualquer número infinito de idéias que poderiam ser concebidas poderia ser testado.

            3 – Fortaleza Ilimitada: União de todas as “Qualia” do Mundo. Todo o conhecimento da humanidade está armazenado nela, ela também abriga uma quantidade infinita de energia.

            4 – Qualia: é um termo usado na filosofia que define as qualidades subjectivas das experiências mentais conscientes. Por exemplo, a vermelhidão do vermelho, ou o doloroso da dor. Os qualia simbolizam o hiato explicativo que existe entre as qualidades subjectivas da nossa percepção e o sistema físico a que chamamos cérebro. As propriedades das experiências sensoriais são, por definição, epistemologicamente não cognoscíveis na ausência da sua própria experiência directa. Como resultado, são também incomunicáveis. Os qualia desempenham um papel importante na filosofia da mente, principalmente por poderem ser interpretados como uma refutação de facto do fisicalismo. No entanto, a existência e a natureza dos qualia continuam a ser objecto de um aceso debate na filosofia da mente contemporânea.

            5 – Natureza da Fortaleza Ilimitada: Ela é a origem da criação, o que significa que, embora existisse no mundo, existia também como sua essência. Foi explicado várias vezes que ela abrigava uma quantidade infinita de energia, e que se ela se exaurir-se (já que Ginji poderia exigir mais do que a energia infinita), tudo iria acabar. Além disso, como a Fortaleza Ilimitada é a própria existência, isso explica porque suas histórias e destinos foram capazes de afetar a realidade fora de seus muros, porque era a verdadeira essência de todas as coisas.

  23. Sistema de classificação na escala de 1 a 5:

    5 (muito bom ou excelente) é a nota mais elevada (90-100%),
    4 (bom ou satisfaz bem ) (70-89%),
    3 (satisfaz) indica um desempenho “médio” (50-69%),
    2 (não satisfaz) (20-49%),
    1 (fraco) é a nota mais baixa (0-19%).

    Lista de Mangás/Manhwas que eu finalizei a leitura (Parte 3)

    InuYasha – 3
    07 Ghost – 3
    Immortal Regis – 3
    Yu Yu Hakusho – 3
    Magico – 2
    Angel Sanctuary – 3
    Death Note – 4
    Rosario + Vampire – 3
    Rosario + Vampire: II – 2
    Re: Birth The Lunatic Taker – 2
    Mirai Nikki – 3
    Trinity Blood – 2
    Blood + – 3
    Dance in the Vampire Bund – 3
    Saint Seiya: Episode.G – 3

  24. Droga… pararam de traduzir Lessa em BR, o pior é que não tem nem em Espanhol pra mim ler, Inglês? Eu nem finalizei meu curso de Inglês, cancelei antes de concluír.

    Trílingue…

  25. Jason disse:

    Manchenny é referencia ao Mascherano, Kaiser ao Beckenbauer, Maria ao Di Maria.

    Luslec é homem porque ele nasceu com um pau e duas bolas.

    • Phantom Minion disse:

      Também pode ser referência a Maria da biblia! !Sempre achei que fosse.O siu já falou que o nome da maria veio do di maria?Seria novidade da parte dele usar o nome de um jogador,para dar vida a uma personagem feminina (até agora).

      • Phantom Minion disse:

        Acho que ele já fez isso (se macheny for derivado de mascherano).Já que Manchenny pode ter vindo da robótica,computação…Só pra explicar,ela tem um nome parecido com algumas coisas relacionadas a isso.

        • Phantom Minion disse:

          Puts,errei de novo!
          A parte depois do parênteses era pra ser um novo parágrafo! !!!!!E começaria assim:Machenny pode não ter vindo de Mascherano,mas da robótica…

      • Jason disse:

        Mais provável que ambos se baseiam nos dois jogadores argentinos (Di Maria e Mascherano)

        SIU tem histórico de basear personagens em jogadores, então porque diabos iriamos supor que foi na robótica? (o caso da manche)

        O caso da Maria é interessante. Aliás, esse é o motivo para pessoas acreditarem na Maria como heroína, já que o Baam seria jesus.

        Mas sinceramente, bem mas provável que elas sejam baseadas nos dois. A família Koon é referência a seleção argentina.

        Outra coisa, Kaiser é referência ao Beckenbauer.

        • Phantom Minion disse:

          O da machenny é menos provavel (de estar relacionado a processadores,pcs …).
          Já o nome da Maria é mais provável de ter sido tirado da Maria Madalena.

  26. Jason disse:

    Será que não haverá uma Slayer?

    SIU sempre coloca personagens femininas em lugares importantes. Já que Luslec provavelmente é macho, então temos ele, Karaka, Imort, e Yama. Ainda temos 3 vagas sobrando. Acho que duas dessas serão femininas.

    • Enryuu disse:

      Todos homens, aposto com você rs.

      Se ele for pôr uma mulher na FUG, seria como anciã.

    • Karaka não faz parte dos 11 Tronos, apenas a 1ª e 2ª geração de Assassinos.

      Logo temos apenas Luslec, Imort, Yama, e White, sobrando apenas 3 Tronos.

      • Jason disse:

        De onde essa informação? Não faz muito sentido pra mim.

          • Jason disse:

            Ainda não faz sentido. Se você é um Slayer, está ocupando um dos tronos. Esse raciocínio vai contra as falas do Karaka no final da Workshop e contra o próprio conceito de Slayer.

            Acho que foi erro de interpretação ai.

            • Karaka tem um Trono, ele de fato é o Assassino mais brilhante da 3ª geração.

              Hávia antigamente 11 Assassinos, cada Trono foi ocupado de acordo com a ordem que cada Assassino ia chegando ao poder. White ocupava o dêcimo Trono de poder, mas atualmente o Trono foi dilacerado, agora ele está tentando restaurar “o seu Trono” novamente.

              Os Assassinos são classificados de acordo com sua época, os primeiros Assassinos são conhecidos como os Deuses antigos, e a geração seguinte, os Dêmonios. Eles tem uma “enumeração”, que vai até o número 11.

              Não houve necessidade de dá uma numeração para a 3 geração, logo Karaka tem “um Trono não-enumerado”.

              Trono=posição de um Assassinos.

              11 Tronos= posição específica da 1ª e 2ª geração de Assassinos.

              Os 11 Tronos de poder são permanentes, não podem ser ocupados por novos Assassinos, isso significa que uma vez destruídos, permanecerão vazios.

              • Jason disse:

                Nunca foi dito que já houveram 11 assassinos, apenas que atualmente existem 7. Existem 11 assentos e é isso que sabemos.

                Não faz sentido.

                “Terceiro, a atual geração de Assassinos que estão ativos no presente (eles não têm nada a ver com o número de assentos).”

                Essa parte não faz sentido.

                • Então você acha que existem 3 Tronos que nunca foram ocupados?

                  Como você acha que funciona o número de Tronos? Os Tronos são dados aleatóriamente? O Trono número 10 pode ser ocupado sem antes se ocupar o 9?

  27. Existem 11 Tronos ocupados pela 1ª e 2ª geração. Existe um Assassino (White) que ocupa/ocupava o dêcimo Trono, logo os Tronos número 9,8,7,6,5,4,3,2,1 já estão ou já foram ocupados no passado.

    Entendeu agora Jay?

  28. Jason disse:

    Agora pense no cenário: todos os 11 tronos estão preenchidos, mas um Slayer morre. O próximo Slayer vai ocupar o trono daquele que morreu. Não é como se o trono ficasse eternamente vago em homenagem ao Slayer derrotado.

    É esse o raciocínio que eu queria passar. Lembro que Hoaquin e Karaka sempre comentam sobre alguém roubando a posição deles. Só podem haver 11 Slayers porque os assentos são fixos

    • Enryuu disse:

      Esta é a lógica natural, mas então, por que separar os Assassinos em 3 gerações e especificar que a última geração não tem nada a ver com assentos?

      O fato do assento estar “vago” não significa que o Assassino morreu. O White por exemplo, deve estar com assento vago, mas ainda está vivo. Se você quiser teorizar, poderia até dizer que os 4 assentos vagos são: Arlen, V, White e o último do Baam.

      Sua lógica faz sentido, mas o Karaka parece muito fraco para alguém que ocuparia um dos 11 assentos. Os Assassinos detentores de assentos devem estar num nível completamente diferente, por isso nunca consegui “hypar” o Karaka como vocês fazem. Imagino até que tenham muitos Assassinos na 3ª geração.

      • Jason disse:

        Cara, os assassinos são separados por gerações por serem de gerações diferentes. Ser um Slayer significa ocupar um assento, não?

        Você pode achar o Karaka fraco, mas ele é um Slayer. Isso é um fato. Ele possui um trono, mesmo Jisung já fez referência ao Baam tomando o trono dele.

        Justamente por isso eu não estava entendendo essa parte de não ter nada haver com os assentos. Faz muito mais sentido não ter nada haver com o número de assentos, já que não sabemos como cada Slayer recebe seu assento. Baylord Yama pode não ter sido o sétimo Slayer a integrar o grupo.

        Essa parte do Assassino necessariamente estar morto é besteira discutir. Só usei como exemplo.

        Não faz sentido ter uma penca de Slayers andando por ai. Supor isso é quase no nível dos infinitos irregulares do Charlie. Existem 11 tronos, então porque haveriam mais de 11 Slayers?

        • No ToGWiki não tem essa parte:(eles não têm nada a ver com o número de assentos). Logo vai haver confusão em relação a terceira geração de Assassinos.

          É fato que Karaka tem um Trono, afinal, Trono é a posição de um Assassino dentro da FUG.

          No post da FUG, diz que a dentro da infraestrutura da FUG existem 11 Assassinos.

          There are presently 7 active Slayers out of 11 seats (although according to Baam , they are mostly sleeping) – ToGWiki

          Essa parte está dando a entender que existem apenas e somente 11 Tronos na FUG, logo a lógica é que Karaka está ocupando um desses Tronos.

          Humm… quem foi que errou aí? Sleeping ou ToGWiki? Please Enryuu, resolva esse caso.

          Essa parte entre parênteses:(eles não têm nada a ver com o número de assentos). Eu creio que essa parte é do SIU, então pela lógica, quem está errado aí é a ToGWiki, certo Enryuu?

          • Enryuu disse:

            Esta parte é do SIU e está lá (tem inclusive o texto em coreano disponível). A tradução está correta, eu confirmei.

          • Jason disse:

            É tradução do Godai. Está do mesmo jeito.

            Pelo menos eu sempre interpretei que a parte de não ter nada haver com o número de assentos é referente aos Slayers da terceira geração não estarem necessariamente nos últimos assentos, já que as vagas abertas poderiam ser dos tronos mais elevados.

            • O Enryuu confirmou que a tradução é verídita, logo Karaka não está ocupando um dos 11 Tronos, mas ele tem o seu trono oras, só que a 3 geração de Assassinos por algum motivo não podem ocupar os 11.

              Acho que não houve/há necessidade de haver disputa entre os Assassinos mais novos, Karaka só tá com medo de perder seu “brilho”, afinal, ele é reconhecido como o melhor entre os novos Assassinos, pelo menos até Baam começar a demonstrar um talento incrível e ameaçar essa posição do Karaka.

              • Jason disse:

                Ainda não faz sentido pra mim. Mas enfim, assunto encerrado. Só existem 11 tronos, logo as informações são contraditórias. Cada um interpreta como quiser até vermos mais da estrutura da FUG, o que vai demorar.

  29. Enryuu disse:

    Rapaz, no meio desta confusão aí, acabei descobrindo que o SIU usa “Slayer” no original, ao invés de “Assassino”. Pior que quando surgiu o termo, eu pensei em deixar em inglês, mas acabei traduzindo pra não estranhar. Aaaah, se eu tivesse o Shumy naquela época T_T. E agora, será que troco?

    Aliás, assento de poder é a mesma coisa que “trono”. Eu uso trono porque acho mais legal, mas assento de poder é o literal (acho que já falei isso).

    • O SIU adotou o termo inglês hein rs, SLAYER, pra mim tanto faz, apesar que a essa altura do campeonato, trocar Assassino por Slayer é um pouco tenso kkkkkk-

      • Anderson urahara disse:

        Apesar de já haverem dado o assunto por encerrado, vou falar:
        Se considerarmos que a FUG nasceu no tempo de Arlen e V a ideia de 11 slayers vem desde essa época ou após as mortes de V e Arlen?
        É lógico pensar que no momento que surgiu a guerra contra Zahard o lado de Arlen precisava se cercar de aliados poderosos, mas penso que o sistema de slayers surgiu após as mortes deles, pois a FUG usa pra si a estrutura de fé para com seus assassinos, assim somente após o martírio de V e Arlen deve ter surgido o sistema.

        Sendo assim, o número de assento ser 11 se refere ao número de Zahard e os Dez. A pergunta que cabe é: no decorrer dos anos em algum momento a Fug conseguiu preencher os 11 assentos ou até hoje falta assentos a preencher ( assentos que nunca foram ocupados)?
        Acredito na segunda opção de assentos que ainda não foram ocupados, pelo menos o assento que compete a Zahard, pois é o único dito precisar de um irregular para executar a tarefa. Se em algum momento a Fug completou o número de assento não seria o caso de já ter havido um embate entre eles e Zahard com os Dez?
        Imagino que o motivo de Luslec ter escolhido uma estrutura de fé para Fug foi a forma mais eficaz encontrada para conseguir seguidores e manter a lita contra Zahard e cia.

  30. Diego Hernique Magalhaes disse:

    Eai pessoal quem anida tá lendo tokyo ghoul:re
    Hoje chegou novo capitulo tokyo ghoul:re Touka perguntou por kaneki se ele é virgem kkkkkkkkk

  31. Você deu spoiler, Diego, kkkkkkkk-

    A Touka fala isso só no 121.

    Kaneki: Do que você queria falar?
    Touka: Você é virgem.

    O Ken acabou derramando o seu precioso café hahaha.

  32. Enryuu, você ainda lê LESSA? Você lê em inglês né?

  33. Diego Hernique Magalhaes disse:

    Alguem aqui ja jogou horizon zero dawn?

  34. Anderson urahara disse:

    De tanto alguns citaram Tokyo Ghoul fiz neste domingo uma maratona e vi a primeira season. Não li Tokyo Ghoul: re ainda vou começar a nem li ainda os outros paralelos. Mas falando apenas deste, gostei dos personagens e da maneira brutal como a vida de Kaneki foi revirada. Porem o clímax do final deixou a desejar e me pareceu que o Ishida perdeu a mão ali. Achei confusa a arte e o aparecimento de Arima sem eira e beira me deixou uma sensação de que tudo teria se resolvido a mais tempo e muito teria se evitado se este estivesse aparecido antes. Alguns diriam que assim não haveria história visto o quão moda fuck ele é. Bom vou ler os pararelos e começar a segunda parte.

  35. Anderson urahara disse:

    Hoje cheguei ao 124 de Tokyo Ghoul:re. Dá pra tranquilamente dizer que esta season 2 melhorou muito o mundo de kaneki com tantas reviravoltas, revelações e mortes. No ultimo, finalmente uma colher de chá a kaneki/Touka. Mas sinto que o autor deve encerrar a historia com esta season 2…

  36. Diego Hernique Magalhaes disse:

    Finamente que kaneki transou, porem eu acho que kaneki morre final isso com certeza.

  37. Diego Hernique Magalhaes disse:

    Ae Vovô Enryuu nao esquece spoiler 2.236

  38. Parabéns SIU e Ishida, por não me fazerem dropar a leitura, e por eu ficar sempre na expectativa, são dois autores dignos.

    O lixo do poder da amizade já tá indo é tarde kkkkkkkk-

  39. Reparem na letra dessa música e me digam se não lembra o SIU. Eu acho que a letra dessa música descreve perfeitamente a relação do SIU com o trabalho dele:

  40. Enryuu disse:

    Esses japas perderam a mão de fazer anime. Como sai merda nestas temporadas atuais, não salva quase nada…

    • Carlos Henrique disse:

      😑Verdade, a maioria dos Animes da atualidade não fazem meu tipo, dá raiva que quando uma obra tem potencial pra se destacar nessa porra, só fazem 12 episódios nessa bagaça😑.

      Ainda bem que existe a TYPE-MOON que até hoje produz a série FATE cuja as animações estão sempre entre as melhores da sua temporada de estreia😍.

      • Enryuu disse:

        Tu viu o Fate desta temporada, pela A-1 Pictures? kkkk

        CD muito zoado, não tem comparação.

        • Carlos Henrique disse:

          A história é boa, A-1 Pictures tem uma animação inferior a Ufotable que normalmente anima a série FATE. Aquela luta do Kiritsugu vs Kotomine foi de tirar o fôlego, foda, as lutas são super bem animadas.

          Só vi o trailer, vou esperar acumular mais episódios😅.

        • Carlos Henrique disse:

          Do pouco que eu já vi, Fate Apocrypha tem um audio-visual muito bom, as OST’s de Fate são particularmente épicas, é facilmente o melhor anime de 2017, a não ser que a segunda temporada de One Punch Man saia ainda esse ano.

          • Enryuu disse:

            Só abro Fate pra ver umas lutinhas muito loucas bem animadas, mas não estou tão empolgado por causa deste CD genérico da A-1 Pictures.

            Depois que eu assistir uns 5 episódios posso dizer melhor, mas pelo o que eu ouvi, este Fate é o que tem a pior história (e olha que já não é grande coisa) e o que tem mais luta.

      • Phantom Minion disse:

        Não pude evitar de me lembrar do belo,se não maior exemplo disso:Tokyo Ghoul!!

        Pqp não consegui assistir nem 6 episódios, contando com as duas temporadas!Horrrozssso!!!(Não foi erro,foi uma figura de linguagem.Não sei qual, mas foi!!Acho que tipo uma aliteração.)

    • Phantom Minion disse:

      Por isso que Togashi ainda tem emprego!!!kkkkk

  41. Carlos Henrique disse:

    Mano, tu já assistiu Kara no Kyokai?

    É um anime tão foda quanto Fate Zero. A história é o prato principal, sendo que as poucas lutas que tem são épicas, no geral, é um anime da mais alta qualidade.

  42. Carlos Henrique disse:

    Se você for assistir me diz. Tem duas opções, você quer assistir na ordem de lançamento ou na ordem cronológica dos eventos?

    • Enryuu disse:

      Eu respondo se um dia me der vontade de assistir kkk. Senão vou esquecer.

      • Carlos Henrique disse:

        Ok. Mas eu te garanto que se você assistir, não vai se arrepender, a história do Anime é muuuuuuito boa mesmo. Com certeza vai entrar pro seu TOP-10.

        • Enryuu disse:

          Nem sei qual o meu top-10, já vi tanto anime, mas com certeza não lembro de nenhum anime de luta que tenha me marcado.

          Agora pega um Steins;Gate ou um Shouwa Rakugo, isso sim é anime pra TOP-10. Obras primas.

          • Carlos Henrique disse:

            Steins;Gate é marcante mesmo, com certeza esse entra no meu TOP-10.

            O Estúdio que cuida de Kara no Kyoukai é o Ufotable , o mesmo de Fate-Zero, em termo de história, acho que KnK ultrapassa FT-Zero.

  43. Carlos Henrique disse:

    Não dá pra resumir uma história desse nível em apenas uma sinopse rs.

    Aqui vai o básico:

    A série se passa na cidade japonesa Mifune no ano de 1998. Onde uma série de suicídios sem razão aparente abala a cidade e somente uma jovem chamada Ryougi Shiki pode ajudar. Isso porque Shiki possui uma habilidade sobrenatural de enxergar “linhas de morte” em seres vivos e coisas inanimadas.Para poder discernir entre o que deve ou não ser visto, a garota conta com a ajuda de dois grandes amigos: Kokutou Mikiya, amigo de Shiki, sensível e perspicaz e, Aozaki Tohko, detetive, maga, exorcista e mentora dos dois. Juntos, o trio leva uma vida “nada normal” tratando de casos paranormais e assassinatos que ocorrem na cidade.

    Importante: Com uma qualidade de animação e cores de dar inveja a muitas produções, tem um visual belíssimo que nos prende o tempo todo, mantendo o espectador fascinado com quase todos os quadros da tela. Tratando de uma premissa que tem se tornado comum nos animes que querem misturar sobrenatural com mistério, formam assim uma agência com os mocinhos à la Scooby Doo (vide Zombie Loan, Shinrei Tantei Yakumo…), comete os mesmos erros que todas as produções do gênero, como por exemplo: algum sociopata sem maiores motivações e unidimensional, escassez de explicações para o que estamos vendo na tela em função de tramas desnecessariamente complexas, pessoas comuns sendo envolvidas e as repercussões não terem as devidas proporções. Porém, apesar disso, Kara no Kyoukai se salva pela qualidade técnica, e pela dinâmica de seus personagens e o cuidado que eles recebem para serem devidamente desenvolvidos, assim ficamos íntimos deles e passamos a torcer genuinamente por cada um.

    Crítica sobre a Ufotable: Comprovando uma imensa habilidade em fazer seqüências de ação, o que faz com que mereça mais créditos ainda por abrir mão delas em prol de seus personagens, quando acontece, é muito mais eficiente do que várias lutas feitas em outros animes. Como diria o mestre Nobuhiro Watsuki (Samurai X, Buso Renkin…), a graça das lutas de espada está na limitação destas, que obriga os oponentes a uma luta corpo a corpo. Deste modo, animes que fazem espadas lançarem raios e poderes a distância, nunca tem uma boa seqüência de batalha com tais armas. Assim, Kara no Kyoukai pode se gabar de praticamente todas envolvendo uma arma branca, pois sempre fazem os lutadores se moverem ao mesmo tempo na tela, em coreografias que não são infestadas de cortes ou em que ficamos perdidos.

    • Enryuu disse:

      Não me chamou atenção, mas talvez eu veja se pegar poucos Animes nesta temporada.

      • Carlos Henrique disse:

        Certo, você leu tudo? Kkkkk-

        Seria bom se você assistisse, pois é de uma época boa onde não havia tanta porcaria como nos tempos atuais.

        • Enryuu disse:

          Li sim, afinal, fui eu que pedi.

          • Carlos Henrique disse:

            Tem algum Anime desse ano que você gostou muito e recomendaria pra mim?

            Acho que eu ainda não assisti um único anime desse ano…

            • Enryuu disse:

              Desconsiderando as 2ª temporadas, só 4 que valeram a pena mesmo:

              -Little Witch Academia;
              -Tsuki Ga Kirei;
              -Demi-chan wa Kataritai;
              -Youjo Senki.

              Little Witch Academia e Demi-chan wa Kataritai são animes mais slice of life, para você ver sem levar a sério mesmo, mas 90% dos personagens destes animes são extremamente agradáveis. Eu não gosto muito de animes deste tipo, mas me surpreendi de como o tempo passava rápido assistindo. Little Witch Academia é especialmente bom. Demi-chan é OK.

              Tsuki Ga Kirei deve ser o anime de romance mais realista que eu já vi os japas fazerem. Tudo bem que é um romance de alunos do 9° ano, mas conseguiu passar bem como é um romance nesta idade. O anime é original, então acaba com 12 episódios mesmo.

              Youjo Senki é o clássico anime “morri e revivi em outro mundo”. O protagonista era um fdp no mundo dele, aí acaba morrendo e Deus aparece e o leva para outro mundo, para fazer ele ter mais “fé”. A protagonista se recusa e só quer viver uma vida normal no novo mundo, mas acaba se tornando uma das soldadas mais eficientes deste reino. Aliás, o mundo que ela nasceu tá em guerra, e o país da protagonista seria a Alemanha enquanto os países que a cercam seriam os inimigos. É tipo um misto de primeira e segunda guerra mundial, com protagonista loli fdp e uma animação nas lutas bem foda.

              Acho que você vai gostar mais dos 2 últimos.

  44. jason9518 disse:

    Tsuki Ga Kirei é um achado. Não há romance melhor. Acho seguro afirmar.

    LWA é ótimo.

    SBG: Virgin Soul é ótimo tbm.

    • Enryuu disse:

      Pensei em falar Bahamut pra ele, mas aí é segunda temporada, então desconsiderei.

      É tava bem abaixo da primeira temporada. Só melhorou mesmo quando o Favaro voltou. Nina é muito fraca como protagonista.

      • jason9518 disse:

        Sério? Eu gosto mais da segunda. Sempre achei o Favaro irritante.

        Also, Bahamut seria uma puta obra se fosse no PoV do Charioce.

        Nina é carismática, mas é muito afastada do núcleo principal.

        • Enryuu disse:

          Eu gosto da Nina, mas o tanto de tempo que perderam com aquela merda dela corar quando vê um homem bonito me irrita.

          Kaisar, Charioce e Rita são ótimos personagens também, mas nenhum deles carrega a história como o Favaro.

          É só você olhar o que aconteceu nos 10 primeiros episódios, merda nenhuma. Um monte de cena bosta e inútil pro núcleo e o realmente importante aconteceu em 1 ou 2 episódios. O resto não foi preparação, não, muito menos world-building, os caras só enrolaram mesmo.

          • jason9518 disse:

            Mas o Favaro estava sempre ao lado da Amira. Ali era favorável, porque a série ia pra frente com os dois.

            O fato é que a força motriz dessa temporada é o Charioce, assim como foi a Amira na primeira. Mas a Nina não está presente ao lado do Charioce, como o Favaro estava do lado da Amira. Conclusão, perda de tempo aquela coisa do Azazel, que aparentemente não tem nenhum papel primordial pro plot, além de não ter evoluído nada como personagem. Está revoltado porque agora os humanos mandam na poha toda, e ele não pode mais brincar fazendo humanos se matarem.

            O problema de colocar a Nina como PoV foi justamente ela está separada do núcleo do Charioce, que é onde a poha toda acontece. Kaiser seria melhor nesse ponto.

            Eu acho engraçado os caras odiando o Charioce. Não importa como você veja, ele é um grande rei. Principalmente se você comparar com a primeira temporada. Obviamente não para os demônios, mas ele é o Rei dos Humanos, então foda-se. Mais engraçado é que os caras soltam rage, amam o Lelouch ou o Iskandar de Fate Zero.

            • Enryuu disse:

              Charioce é um bom Rei mesmo. O cara faz o melhor para a humanidade, que era desprezada pelos Deuses e escravizada/destruída pelos Demônios.

              Pior que até a Nina fica gritando a todo momento que ele é um “Rei malvado”. tsc tsc.

  45. Phantom Minion disse:

    Caras vi que vocês estão falando de mangas/manhuas/manhwas novos, também vou falar sobre um :A Journey to The West.

    Não é um manhua é sobre romance chines,(quando é chinês a nomenclatura certa é manhua?Não é?) mas pelos primeiros capítulos eu achei bem legal(por enquanto só tem 6 capitulos traduzidos,pelo que eu vi.)

  46. Diego Hernique Magalhaes disse:

    Gente agora é oficial o kaneki se casou touka ate mesmo transou

  47. VivaPalhaço disse:

    eai galera tá tudo quieto aqui hein
    Quem tá acompanhando tokyo ghoul:re?
    Roma é fundadora clows
    mina bonita com idade 51 anos

    Ei Enryuu quando vai lançar cap tog?

    • Enryuu disse:

      Comprei um computador novo em Julho e fiquei empolgado demais fazendo as coisas que não podia fazer antes com o meu Intel Celeron rs.

      Mas não sei quando vou lançar ToG, era pra eu lançar dia 12, mas não preciso nem dizer que o negócio atrasou feio…

      • VivaPalhaço disse:

        tranquilo parça só queria saber como estava
        E tambem esse Intel Celeron vale a pena?

        • Enryuu disse:

          Inter Celeron era meu computador antigo kkkk. Pensa num troço lento rs. Tinha 2GB de RAM só, não recomendo nem fodendo.

          O que eu comprei agora é só um pouquinho melhor, pelo menos dá pra usar o Photoshop sem ele parar de responder a cada 5 minutos.

  48. Caio Eduardo disse:

    Enryu, Você concorda com as pessoas que dizem que a Season 1 de ToG é muito fraca? Poderia dar uma nota de 1 a 10?

  49. jason9518 disse:

    Alguém acompanhando Ballroom Youkoso? (Anime ou manga, tanto faz)

    Simplesmente muito bom. Meu novo queridinho.

    Chii-chan best girl!

    • carloshenriquesb2 disse:

      Dança hein… vou ver como é rs. Bem, meu queridinho é tudo que o Nasu e a Cassandra escrever rs.

    • Enryuu disse:

      Melhor coisa que eu fiz foi maratonar o mangá após o episódio 3 (inclusive comentei aqui).

      A partir do 4, eles começaram a dançar e foi péssimo, só quadros estáticos. O mangá dá de 10 a 0 no anime até agora.

      A história é muita boa, pena que é mensal e a autora parece ter algum tipo de doença ou problemas com regularidade.

  50. carloshenriquesb2 disse:

    Fate apocrypha com suas lutas insanas hahaha, já quero meu bebê Fate Heaven´Feel pra ontem rs.

  51. carloshenriquesb2 disse:

    O cenário de Apocrypha é paralelo ao de Fate Stay Night, o Nasu criou a maioria dos elementos da obra e de certa forma é uma Guerra do Santo Graal diferente dos outros Fate, a quantidade de Servos é o dobro, normalmente a Guerra conta com apenas 7 Servos, mas nessa do Apocrypha tem 14 Servos, isso é insano demais kkkkk-

    • Enryuu disse:

      Se todos os personagens forem uma merda ou pouco significativos, isso só significa que esse Fate é duas vezes mais ruim.

      • carloshenriquesb2 disse:

        Na minha humilde opinião rs, os personagens de Apocrypha mais (realmente) interessantes são Shirou Kotominei, Semiramis, Darnic Prestone, Mordred, tem alguns outros que até dão pro gasto, o Aquiles é um belo idiota rs.

        • Enryuu disse:

          Cinco?

          Sendo que tem 14 servos e imagino que 14 mestres também, além dos personagens que devem tar no meio da porra toda e não entram nesta contagem.

          Acho pouco.

          • carloshenriquesb2 disse:

            A Jeanne é protagonista, mas não ligo pra ela rs. Outros personagens fora os que eu citei possue suas histórias trágicas e tal, mas eu gosto mais desses citados por mim, a Semiramis pode ser a mais importante de fato, já que entre os Servos ela é extremamente antiga e a sua inflência é tão imensa que perdura até os nossos dias atuais.

            • Enryuu disse:

              Se sua atenção era me animar, não funcionou. Só me deu mais certeza que esse Fate é uma bosta.

              • carloshenriquesb2 disse:

                Não era rs, já te conheço o bastante para saber que incentivos são perca de tempo, eu só gosto de falar sobre as obras do Nasu, fora o Apocrypha, você já ficou decepcionado com outro Fate?

            • Enryuu disse:

              Nem lembro os que eu vi.

              Fate Stay Night que saiu recentemente foi bom, embora o Shirou seja uma merda.

              O Fate Stay Night antigo era MUITO ruim. Puta merda. Que troço horroroso. Eu vi porque na época achei que era necessário pra entender o resto. Tsc.

              Fate Zero é o melhor de todos com certeza. Mais maduro e sem juvenis fazendo cabacices.

              Acho que só vi estes 3 mesmo.

              • carloshenriquesb2 disse:

                Kara no Kyokai é um anime maduro sem juvenis fazendo cabacices também, pena que você não se interessou por algum motivo desconhecido.

              • jason9518 disse:

                Não veja, esse fate é ruim.o (não que os outros fossem bons)

                A protago, Jeanne é a única coisa boa, porque ela é muito bonita. Fora isso, um monte de gente sem carisma, lutas mau feitas, e um random com uma combinação do nome do protago e do vilão das séries anteriores –> Shirou Kotomine (poderia ser mais brega?Não)

                Enfim, muito ruim.

                • Enryuu disse:

                  Foi o que eu ouvi falar mesmo.

                • carloshenriquesb2 disse:

                  É pra rir sem nenhuma dúvida né Jason? Pra você dizer que a Jeanne é a unica coisa boa do Anime, o Enryuu ou qualquer outra pessoa deveria perceber que você não fala com qualquer base da história de fundo e a história dos personagens do Apocrypha, o anime pode não ser o melhor da série, mas está longe de ser uma bosta como muitos dizem. O nome Shirou Kotomine nem é porque o Nasu tava sem idéia, muito pelo contrário, existe uma razão com bastante sentido do porque esses nomes estão juntos, enfim, não fale besteiras, seu comentário foi rísivel rs.

                  • jason9518 disse:

                    Você é fanboy de fate. Não me surpreende o desprezo pela minha opinião.

                    Aliás, veja bem. Jeanne é a única coisa boa por causa do design. A personalidade dela é bem normalzinha. Nada demais.

                    “O nome Shirou Kotomine nem é porque o Nasu tava sem idéia, muito pelo contrário, existe uma razão com bastante sentido do porque esses nomes estão juntos, enfim, não fale besteiras, seu comentário foi rísivel rs.”

                    E lá vai você falando besteira. Eu disse que ele estava sem ideia? Não me importo se existe algum sentido por trás do nome. É BREGA. Me dá vontade de rir desse tipo de artificio. Ele escolheu a ideia genial de unir o nome do protago e do vilão da série principal em um novo personagem (cujas características físicas são parecidas com as do Archer kk). Entenda, não importa se aquele personagem é um clone do protagonista criado por algum motivo deus ex-machina ou por qualquer outro motivo, é algo que eu acho bem tosco —> No caso a escolha do criador por fazer algo assim.

                    Imagina um Spin Off de ToG e o nome do protagonista é Baam Zahard porque ele é um clone do DNA dos dois. Seria tosco, brega, horrível.

                    Engraçado que esse Fate deveria ser o melhor. Dizem que a LN é boa. Mas a direção do anime é realmente ruim. As lutas são terríveis se comparadas com as da série anterior. Os heróis saem por ai revelando suas identidades (não era essa uma das partes mais importantes nas batalhas?)

                    A escolha do protagonista é ruim, porque esse tipo de personagem deve ter um desenvolvimento constante unicamente nele, mas esse Fate tem personagens em excesso. Na LN deve ser muito bom acompanhar o desenvolvimento dele, mas em um anime desse estilo, com essa direção pobre… puts. Coisa ruim.

                    • carloshenriquesb2 disse:

                      Não, eu sou um fã do Nasu, não um fanboy de Fate, sua opinião negativa é bem nosense comparado a de outros que estão acompanhando o Anime.

                      Novamente com isso, a Jeanne não é única coisa boa, tem várias outras coisas mais relevantes, realmente não entendo como você dizer tamanho absurdo rs.

                      Tá falando besteira denovo, vai pesquisar a ficha do Shirou Kotomine que você vai entender o tamanho da besteira que você está falando. Você está falando de reaproveitar certos personagens, mas o Shirou Kotomine é único devido a sua identidade histórica tal qual é o seu nome de fato.

                      Não devia ser o melhor coisa nenhuma, os fãs da Fate sabem muito bem que Heaven Feels é a promessa de melhor Fate.

                      O anime terá 25 episódios, não chegamos sequer na metade, muita coisa pode acontecer até o final, a LN é melhor, mas o anime pode chegar perto dela, é muito personagem para desenvolver, não espero que todos sejam desenvolvidos e sim os principais.

              • carloshenriquesb2 disse:

                O primeiro Fate é a rota da Saber, não gostei tanto, mas também não achei muito ruim ou ruim, mediano rs.

                O Fate recente (UBW) é a rota da Rin, de fato é bem melhor, que bom que você gostou mais desse do que do antigo kekeke.

                Fate Zero é o melhor mesmo.

  52. VivaPalhaço disse:

    A enryuu deixar de ser critico o Fate/Apocrypha é muito loko
    Serie mal começo,é você quer criticar a serie que você nem viu!

    • carloshenriquesb2 disse:

      Pois no é rs, o Apocrypha teve um começo normal estilo Fate, até agora a animação é boa, mas claramente inferior ao da Ufotable que é um stúdio de ponta, creio que antes da metade o Anime alcance um nível próximo do Zero… em termos de história claro, porque Zero continua sendo o melhor, enfim, gosto é gosto, se o Apocrypha não faz seu estilo não é desculpa pra dizer que é uma bosta, como o VivaPalhaço falou, é falta de senso querer julgar uma obra logo no seu começo, um julgamento geral muito injusto das pessoas que se chamam “críticos” rs.

    • Enryuu disse:

      kkkkk

      Então VP, eu só falei o que eu ouvi, que não foi nada animador. O que o Jason falou bate com o que eu ouvi, e eu e ele temos gostos bem parecidos.

      Criticam os personagens, as lutas, a animação, a única coisa que falam bem é a Jeanne mesmo rs.

      • carloshenriquesb2 disse:

        Onde foi que você ouviu tantas opiniões ruins do Apocrypha? Olha, eu procurei em vários lugares e as opiniões foram bem mistas, alguns tão achando ruim, mas outros entendem que o Anime tem potencial pra melhorar bastante, não vá chegar no nível do Zero, mas inferior a rota da Saber que é o primeiro Fate ou igual não fica nem fudendo kkkk-

        • Enryuu disse:

          Anime forum.

          Sempre acompanho os comentários dos animes da temporada de lá, aí os que estiverem falando bem que eu não vi, dou uma olhada. O que já não tô muito animado, quando 90% falam que é ruim ou criticam, já nem perco meu tempo.

          Todo mundo fala desta regra de 3 episódios, mas tenho mais o que fazer do que ficar perdendo tempo com anime ruim. Só vejo os que são certeza que vou gostar.

          • carloshenriquesb2 disse:

            Todos os que você tinha certeza que iria te agradar agradaram? Ou também houveram decepções no final? Não é que queira mudar sua opinião em relação ao Apocrypha, mas parece que você está indo pela cabeça dos outros e não pela sua mesmo, eu vi as opiniões no IntoxiAnimes e apesar do cara que fez a resenha do ep 1 ao 4 apontar vários supostos defeitos, outros souberam defender muito bem o motivo de ser desse jeito, é agora 6/25 atualmente, pessoalmente eu prefiro o UBW, amo a interação do Shirou com a Rin assim como as lutas e tal, o Apocrypha deve ficar só acima do primeiro Fate mesmo rs, o Heaven Feels é considerada a melhor rota de Fate e muitos fãs estão ansiosos por ele, 3 Filmes rs.

            • Enryuu disse:

              Olha, os que eu ia ver no começo eram estes: (os que eu tinha escolhido mesmo, lendo a sinopse ou por ser uma sequência):

              Fate/Apocrypha
              Made in Abyss
              Isekai wa Smartphone to Tomo ni
              Gamers!
              Youkoso Jitsuryoku Shijou Shugi no Kyoushitsu
              Kakegurui
              Shoukoku no Altair
              Ballroom e Youkoso
              Isekai Shokudou
              Vatican Kiseki Chousakan


              O que aconteceu:

              Fate/Apocrypha = Nem cheguei a ver pelos péssimos comentários.

              Made in Abyss = Não tinha expectativa nenhuma, mas todos os comentários eram absolutamente bons, e quando eu vi o primeiro episódio se mostrou um dos animes mais bem feitos dos últimos 5 anos.

              Isekai wa Smartphone to Tomo ni = Faralam que era clichê pra caralho (o clássico garoto que morre e vai para outro mundo), mas dava pra aturar. Eu vi, e foi exatamente isso, mas com o passar dos episódios o anime foi se tornando bem agradável.

              Gamers! = Opinião tava meio a meio. Neste caso, decidi ver pela sinopse. Não é ruim, mas não é bom. É um anime meio bizarro na verdade, nunca vi tanto mal entendido num anime. É clichêzão também.

              Youkoso Jitsuryoku Shijou Shugi no Kyoushitsu = CD e sinopse me chamaram atenção. Falaram bem, e foi bom. Um dos melhores da temporada, lembra muito Oregairu.

              Kakegurui = Todo mundo falava bem disso. Vi umas imagens, era um monte de vaca fazendo careta e apostando coisas. Nem cheguei a ver. Algumas pessoas droparam por causa disso também. O pessoal que tá assistindo geralmente curte gore ou já lia o mangá, o que não é o meu caso.

              Shoukoku no Altair = Parecia Arslan Senki e teria 24 episódios, ia dar uma chance, mas nenhum dos comentários me animou. Parece ser aqueles animes bem sem graça que só te fazem perder tempo. Nem cheguei a ver.

              Ballroom e Youkoso = Fui ver porque o CD era igual o de Haikyuu!, gostei. As críticas eram boas, só criticavam os pescoços dos personagens que eram muito longos, mas isso não me incomoda.

              Isekai Shokudou = Até falaram bem, mas quando ouvi que era episódico, nem cheguei a ver.

              Vatican Kiseki Chousakan = Falaram que o anime era um monte de diálogo aleatório, e que era Zzz. Então nem perdi meu tempo.


              ▬Animes que eu não iria ver, mas estou vendo porque os comentários foram positivos:

              Tsurezure Children = Anime de 12 minutos. MUITO bom. Uma série de casais aleatórios que tem 3 minutos de tela cada. Geralmente são 4 casais diferentes por episódios e a obra parece ter mais de 10 num todo. Muito engraçado e o desenvolvimento dos personagens é quase sempre 10/10.

              Koi to Uso = Outro romance. Não tinha ligado muito, mas falaram muito bem do episódio de estreia. Fui ver, gostei.


              Respondendo a sua pergunta, não sou maria vai com as outras. Faço isso há anos, e sempre deu certo. No máximo, 1 ou 2 animes fora da curva. É impossível um anime bom ter 3 episódios lançados e ninguém falar bem dele. Às vezes a estreia é ruim, mas no segundo episódio já demonstra uma melhora. Não foi o caso de Fate.

              Eu sigo a opinião de fórum porque lá as pessoas apenas falam o que veem. Em blogs e resenhas, a pessoa tem que ser cuidadosa o suficiente para não ofender as pessoas que são fãs da obra, algo que sinceramente só me faz ficar longe destas análises.

              • carloshenriquesb2 disse:

                Eu não sou muito de assistir Animes a maneira que você faz, é claro que quando eu não to afim de procurar eu procuro a opinião de alguém sobre um anime, como o foi o seu caso que me indicou Little Witch Academia que eu gostei bastante, mas ficar lendo várias opiniões para poder assistir um Anime, nem pensar rs.

                • Enryuu disse:

                  Ver os animes da temporada já é um hábito meu, mas quando se vê muitos, você acaba se tornando mais seletivo.

                  Também tem o caso do mercado japonês estar uma merda e as obras estarem piorando a cada ano. Não dá pra ficar perdendo tempo assistindo 20 minutos de um anime bosta. Ou assistir 60 minutos para saber se um anime é bom.

                  No começo eu só acompanhava o fórum mesmo, mas depois comecei a usá-lo desta forma, já que já conhecia mais ou menos o gosto das pessoas que comentam lá.

                  • carloshenriquesb2 disse:

                    Já assisti vários animes, mas pela maneira que você faz uma lista por temporada você deve ter visto bem mais animes do que eu rs.

                    Eu não dou muita chance pros animes atuais, foi muita sorte eu conseguir assistir LWA que é um anime muito bom mesmo. Como eu sou fã da Type Moon a mais de dez anos, eu vejo todos os Fate que foram animados, mas não deixo de apontar se foi ótimo, bom, mediano, ou ruim, até agora não vi um Fate que possa ser chamado de bosta rs, opinião pessoal claro.

                    É prático mesmo, se serviu pra você, de boa rs.

                    • Enryuu disse:

                      Você devia ver Tsuki Ga Kirei, tenho certeza absoluta que você vai gostar. É o melhor romance que eu já vi em anime, e você ama romances haha.

                      Made in Abyss também é muito bom, mas vou esperar terminar pra ver se te recomendo. Desta temporada, acho que só Made in Abyss pode ser bom o bastante para recomendar a alguém. Não tem muitos animes marcantes.

                      Tem o Tsurezure Children também, se você quiser ver um anime curto pra passar o tempo, como são 12 minutos, passa muito rápido.

                    • carloshenriquesb2 disse:

                      Tsuki Ga Kirei, certo, vou ver esse. A propósito, parece que enquanto eu gosto de ver animes completos ou bem perto de estarem completos, você parece gostar de acompanhar o lançamento rs.

                    • Enryuu disse:

                      Sim, eu não estou mais na vibe de ver animes completos, porque eu perco muito tempo. Vejo todos os episódios e acabo perdendo um dia inteiro ou mais, o que é péssimo.

                      No lançamento, eu vejo 1 ou 2 por dia e isso e ótimo como entretenimento.

  53. carloshenriquesb2 disse:

    Se tem uma coisa negativa é o fato desse Fate está sendo meio que adaptado no estilo Shounen, sendo que o Shounen não faz parte da sua origem/Ligh Novel. Não conheço muito bem o Yuuichirou Higashide que é o autor, mas o gênio do Nasu é o Supervisor e criador da maioria dos elementos, personagens e Trama, me atrevo a dizer que com certeza será melhor que o primeiro Fate.

  54. carloshenriquesb2 disse:

    Essa cena de Fate UBW é divina! E a soundtrack é tão agradável ao ouvidos, te faz relaxar e sentir leve como uma pluma.

  55. carloshenriquesb2 disse:

    Quem estiver entediado, leia Goblin Slayer, o protagonista é direto, sem frescuras e não digievolui como certos protagonistas kkkk- A história é bacana, sinistra e algumas vezes bem nojenta…

  56. carloshenriquesb2 disse:

    Ah, lembrei que o Enryuu também gosta de personagens que usam táticas nos combates, então é quase certo que ele vai gostar muito do Protagonista, mas vai saber o que se passa na cabeça desse viciado em FF.

    • Enryuu disse:

      Eu acabei de voltar a viver e você quer que eu entre de cabeça em “outro mundo” de novo? rs

      • carloshenriquesb2 disse:

        Isso aí rs, você precisa respirar novos ares kkkkk- Os leitores de ToG ficaram encabulados quando SIU disse que a Season 2 tava um pouco a mais da metade ^_^.

        • Enryuu disse:

          Tá maluco kkk

          Se eu começar a ler e for bom, eu só paro quando terminar. Vou perder mais uns 2 dias nessa.

          • carloshenriquesb2 disse:

            Sem problema, até agora são 15 capítulos lançados com mais de 40 páginas cada kkk- Tem que prestar atenção nos planos mirabolantes do Protagonista, ele é bem engenhoso no uso de armas, tipo, o cara não se apega a uma espadinha etc, se dá pra matar ele usa a droga da coisa hahaha.

  57. carloshenriquesb2 disse:

    Goblin Slayer: O personagem, é um experiente aventureiro classificado como rank prata. Os trabalhos que ele leva envolvem apenas goblins e não outros seres. Sua aparência não é tão glamourosa e elegante ou devido ao uso de equipamento que parece faltar para um aventureiro de seu posto. Seu estilo de combate consiste na criação de armadilhas, utilizando suas próprios armas contra o usuário, e de tomar qualquer vantagem que possa aparecer. Ele ainda usa sua própria imaginação para o uso de uma proteção mágica em ordem para matar todos os goblins na queima da fortaleza dos elfos, . Mais sua principal característica é o seu ódio de goblins, que alimenta muitas de suas ações. A razão por trás disso é a forma como sua família, que consistia em seus pais e irmã, e de sua aldeia foram massacrados por goblins e fez querer uma vingança contra todos os goblins em todos os lugares.

  58. VivaPalhaço disse:

    eai pessoal tá tudo quieto aqui hein
    Alguem curte American horror story?

  59. VivaPalhaço disse:

    eai não esqueça q amanha tem 2.269
    Fui jogar Dragon Age inquisition

  60. José Filipe disse:

    O que acharam do anúncio de Tokyo ghoul re, quanto ao mangá eu nunca realmente me importei com ninguém além da galera da season 1, ultimamente eu leio só por causa do kaneki e do suzuya o resto pode fazer qualquer merda que não tô nem aí, espero que o anime faça eu me importar mais com eles
    Se bem que podiam descartar a season 2 e refazê la

  61. carloshenriquesb2 disse:

    1)Bem, vamos lá. Para quem estiver entediado ou esteja procurando algo para preencher suas Semanas de mais pura alegria e emoção além de Tower of God, eu humildemente, indico excepcionalmente, a websérie de animação influenciada por animes criada por Monty Oum para a produtora Rooster Teeth Productions, RWBY (pronuncia-se “Ruby”) .

    2) RWBY conta com 56 episódios atualmente, que estão distribuídos em 5 temporadas, sendo que a 5ª temporada foi lançada recentemente esse ano no dia 14 de Outubro .

    3) A história se passa num mundo chamado Remnant, que é povoado por forças sobrenaturais e criaturas sombrias conhecidas como “Criaturas de Grimm”. Antes dos eventos da série, a humanidade travou um combate de sobrevivência contra o Grimm, antes de descobrir o poder de um elemento misterioso chamado Dust, que permitiu-lhes lutar contra os monstros. Nos dias atuais, Dust é usado para alimentar habilidades mágicas e armas. Aqueles que utilizam essas habilidades para combaterem contra o Grimm são conhecidos como Huntsmen (Caçadores) ou Huntresses (Caçadoras). A série foca-se em quatro garotas, cada uma com sua própria arma única e poderes, estudando para se tornar caçadoras na Academia Beacon na cidade de Vale: a empolgada e idealista Ruby Rose, a fria e controladora Weiss Schnee, a reservada Blake Belladonna, e a combativa meia-irmã de Ruby Yang Xiao Long. Juntas, elas formam a equipa RWBY , contemporâneas das equipas CRDL (“cardinal”), JNPR (“juniper”), e CFVY (“coffee”).

    4) As personagens utilizam o design inspirado pelas personagens clássicas de conto de fadas: Ruby é Chapeuzinho Vermelho, Weiss é Branca de Neve, Blake é Bela e Yang, Cachinhos Dourados. Cada personagem tem uma cor associada, vermelho, branco, preto e amarelo e são as primeiras letras dessas cores em inglês que dão seu nome à série (É o mesmo para outros personagens).

    5) A websérie me trouxe sensações nostálgicas, pois me fez lembrar de desenhos antigos como Avatar: A Lenda de Aang e as As Aventuras de Jackie Chan que com certeza foram marcantes na infância ou Adolescência de muita gente assim como eu.

    Fica a dica, aqui está o link onde tem os episódios das quatro temporadas passadas para quem se interessar, os videos estão com qualidade excepcional:

  62. VivaPalhaço disse:

    nao tem capitulo tower of god hj?

  63. André lucca disse:

    Credo cara que bosta, quem é aquela fada ali no final?, pqp que decepção…… pelo menos esse era o velho eu dele de 5000+ anos atrás.

    • jason9518 disse:

      Sim, agora ele deve estar mais alto (Nem ferrando aquelas proporções são de alguém de 220 cm) e com um rosto mais maduro.

      Aliás, Young Zahard também não aparenta ter seus 240 cm em comparação com o Zahard que propôs casamento a Arlen.

  64. Ran disse:

    Não podemos esquecer que esse é o Eduan de tempos atrás, é bem provável que ele tenha mudado bastante, apesar de eu ter gostado de como está haha

  65. jason9518 disse:

    Fate Apocrypha, por mais que seja o segundo pior Fate na minha opinião, rendeu o melhor episódio de Fate que eu já assisti.

    Conclusão, Achilles é o The Goat da poha toda. Sem dúvidas o servo mais poderoso dessa guerra.

    É correto que Karna possui um poder de destruição gigante, mas o Bramastra Kundala me decepcionou. Esperava mais de um Anti-Country Noble Phantasm, mas já vi me falarem para não analisar as coisas nesse sentido. Vasak Shakt tbm me decepcionou um pouco. Sieg até aguentou por alguns segundos um Ex-Rank Noble Phantams com Galvanismo + Balmung que é só um Rank A+ Noble Phantasm.

    Duvido que Bramastra Kundala consiga afetar o Akhileus Cosmos, e combado com a Chariot, Achilles é praticamente imparável. Numa batalha entre os dois, provavelmente Karna usaria o Vasak Shakt que seria counteado pelo Akhileus Cosmos. Os dois perderiam seus Noble Phantasms mais confiáveis. Então a batalha tenderia para Achilles que é um guerreiro mais capaz que Karna. Com Dromeus Cometes ele seria capaz de amassar um Karna que sem armadura, possui uma resistência extremamente baixa, comparada a um monstro de Status que é o Achilles. Mesmo com Mana Burst, não vejo o Karna peitando o Achilles.

    • jason9518 disse:

      Finalmente entendi porque todos falavam que somente Achilles era capaz de parar Karna.

      Carl, me responde uma coisa. Quantas vezes a Artoria usou o Excaliblast contra o Rho Aias em Heavens Fells para quebrá-lo?

      • Cherub disse:

        Quatro vezes. O Rho Aias tem Sete Camadas Defensivas, mas o Shirou só conseguiu convocar Quatro.

        • jason9518 disse:

          Gae Bolg superou o Rho Aias facilmente. Sei que o Cú Chulainn usa as Runas para aumentar o poder da lança, mas mesmo assim o Excaliblast deveria bandar todas as camadas pra merda com um só ataque.

          O Rho Aias original é dito como sendo no mesmo nível que o Akhileus Cosmos. Mesmo que a cópia do Archer e do Shirou sejam mais fracas que o original, queria comparar o estrago do Excaliblast.

          • Cherub disse:

            Rho Aias deveria lidar melhor com o Gae Bolg, mas como defesa existe uma abastecimento constante de Mana, coisa que o Archer sozinho não tem para oferecer. Durandal conseguiu atravessar o Rho Aias original até a sexta camada sendo finalmente detida pela sétima.

            Saber Alter possuí um fornecimento de Mana praticamente infinito, o que aumenta suas capacidades físicas ao ponto que mesmo Berserker teria problemas numa luta direta. Por outro lado, Excalibur é originalmente uma espada sagrada cuja a explosão de luz se equipara a uma estrela. Nota-se que muito das habilidades naturais da Saber diminuíram, foram substituídas por Dark abilities.

    • Cherub disse:

      Qual é o primeiro?

      É, pelo visto o Achilles leva essa. A defesa criada por Hefestus é vulnerável a Phantasm Noble Anti-Mundo, um recurso indisponível para o Karna, além dos seus equipamentos consumirem uma quantidade absurda de Mana ao ponto que mesmo um Mago de Primeira Classe não poderia fornecer suporte por sequer tempo suficiente.

    • Cherub disse:

      Em termos de habilidades de combate ambos são Guerreiros excepcionais. Karna foi capaz de rivalizar com Arjuna o filho de Indra e o mais talentoso entre os guerreiros Pandavas.

      • jason9518 disse:

        São excepcionais. Mas o Karna me parece que depende mais do Hax do que da habilidade para combate em si. É só pegar o Siegfried para efeito de comparação. Em termos de trocação de golpes básicos, Karna foi bem pareado com o Siegfried, enquanto o Achilles foi capaz de humilhar Siegfried nesse quesito. Ele até mesmo parou os movimentos do Siegfried facilmente com uma mão, e se não fosse pela armadura de Fenrir, Siegfried teria ido para lona como um random.

        Karna sem a armadura, dependeria somente do Mana Burst. Mas o cara possui Endurace rank C. Um golpe do Achilles e é GG. Os status do Achilles são insanos. O cara tem A+ em agilidade, A em resistência e B+ em força. Karna tem B em força, A em agilidade e C em resistência. Engraçado que o Karna só seria derrotado, caso abrisse mão da armadura kkk. E do jeito que ele é, ele com certeza usaria Vasak Shakt.

        Em termos de Lancer, acho que a Scáthach passa a ser a mais poderosa na minha visão, é claro.

Responder

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s